quinta-feira, outubro 30, 2008

Cometas nos próximos mêses



Nos próximos tempos poderá observar alguns cometas com instrumentos de diâmetro pequeno (binóculos e lunetas) em especial o C/2007 N3 Lulin, o 17P/Holmes e o 85P/Boethin com magnitudes visuais respectivamente de 4.0, 5.0 e 7.0.

Consulte o site de Seiichi Yoshida aqui.

Asteróide oculta estrela no dia 1 de Dezembro



No dia 1 de Dezembro de 2008, o asteróide (776) Berbericia ocultará uma estrela de magnitude 13.0 na constelação dos Gémeos. Este fenómeno poderá ser observado nas ilhas de São Miguel e Sta. Maria.
Para mais informação consultar este site.

segunda-feira, outubro 27, 2008

Júpiter com menos turbulência



Como resultado de um céu um pouco mais estável, no dia 24 fizemos alguns AVI`s com uma SPC900 com cerca de 1400 frames trabalhados posteriormente com o Registax e um C8 a f/25. O resultado é um pouco melhor devido sobretudo á maior estabilidade atmosférica já que as restantes condições se mantiveram inalteradas.

Também "apanhámos" Neptuno com duas exposições de 30 segundos sem utilizar qualquer pré-tratamento (Darks,Flat ou Bias`s).A ccd pertencia a uma MX916 e a montagem equatorial foi feita a "olho". Aqui fica o registo:

quinta-feira, outubro 23, 2008

A turbulência atmosférica

A turbulência atmosférica produziu uma nódoa e não um planeta !
Ontem, 22 de Outubro a neblina alta e altos cirrus com a ajuda da poluição luminosa de um candeeiro de luz de sódio no canto da casa onde vivo,deu este resultado que aqui reproduzo. Ainda se consegue ver a lua Ganimedes a fazer o seu transito em frente ao planeta.

quarta-feira, outubro 22, 2008

Astronomia e nuvens

Cada vez está mais difícil fazer uma sessão de astronomia sem que tenhamos de enfrentar más condições atmosféricas. Depois de umas longas férias, devido às obras de ampliação da minha casa, resolvi tirar o pó ao equipamento. A boa notícia é que os telescópios continuam colimados e os ccd`s a funcionarem em pleno. A má notícia é que as nuvens e o nevoeiro não nos largam e isto cada vez mais se parece com um clima tropical (23ºC + 90% humidade).
Tentando fazer algumas imagens, só conseguimos "apanhar" o planeta Júpiter e as suas luas e o cometa Boethin entre muitas nuvens. Este último consta apenas de uma imagem de 30 segundos e completamente descentrado ...
Para que conste...



Júpiter e as suas luas alinhadas.



Cometa 25P/Boethin descentrado e cheio de "ruído" por causa das nuvens
Imagem de 30 segundos... Não deu tempo para mais nada!

terça-feira, outubro 21, 2008

Poluição Luminosa



Agora que vamos ter um Observatório Astronómico a funcionar, é de esperar que as Câmaras Municipais e a EDA tenham em atenção o facto de sermos uma ilha, um meio muito pequenino, com sensibilidades de natureza ecológica acrescidas, onde o turismo aprecia mais as condições naturais do que o artificialismo da luz de sódio e onde o impacto económico da iluminação desbragada de scuts e vias se faz sentir directamente na bolsa de quem cá vive.
Agora que o Veríssimo nos deixou, ainda o seu cadáver não arrefeceu, outros, já anunciam querer ocupar o nicho. Esperemos que a "oportunidade" não se revele um logro a mando político e que saibam prezar os interesses desta terra e das gerações futuras.
A propósito leiam o artigo sobre poluição luminosa saído na National Geographic.

segunda-feira, outubro 20, 2008

João Gregório descobre Variável



O astrónomo amador João Gregório continua a dar importantes contributos científicos para a Astronomia.
No Diário de Notícias de sábado passado e na AAVSO foi centro de toas as atenções.
Sinto-me orgulhoso pelo acontecimento e não quero deixar de dar os parabéns ao amigo João Gregório.

sexta-feira, outubro 17, 2008

Asteroide oculta estrela hoje



Hoje, dia 17 de Outubro, o asteróide (374) Burgundia ocultará uma estrela de magnitude 11.1 na constelação do Escudo (Scutum) para observadores situadas na Europa de oeste e nos Açores a "esteira" de ocultação será máxima em Santa Maria e durará 1,8 segundos.
Para mais informação ver AQUI. A estrela ocultada é a TYC 5704-00628-1.



No dia 19, outro asteóide, o (1520) IMATRA oculta a estrela TYC 5158-000965-1 entre as 20h51m e as 21h0m UT e será parcialmente visível de Santa Maria.
Veja o mapa.

As próximas ocultações observáveis dos Açores serão a 5 de Novembro (S. Miguel) e 6 de Novembro (Grupo Central)respectivamente para o (453) Tea e o (447) Valentine.

OASA finalmente reabre



Ribeira Grande, 15 de Outubro – O presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande congratulou-se ontem com a reabertura do Observatório Astronómico de Santana (OASA), sedeado na vila de Rabo de Peixe junto ao clube de Tiro de São Miguel.
Ricardo Silva acompanhado do director regional da Ciência e Tecnologia, João Luís Gaspar visitou o OASA, uma infraestrutura que reabre após resolvido o conflito existente entre a Associação Portuguesa de Astrónomos Amadores, primeira entidade gestora e o Clube de Tiro de São Miguel.
A resolução do diferendo entre as entidades envolvidas no OASA, num processo mediado pelo Governo contou com uma grande colaboração do presidente da Câmara da Ribeira Grande. Ricardo Silva foi o próprio a relembrar todo o esforço levado a cabo pela autarquia para manter um “diálogo aberto” entre o Clube Tiro de São Miguel e a direcção regional de forma a “resolver um mal-entendido que estava a prejudicar a educação da crianças e jovens do concelho e ilha”.
Veja a restante notícia aqui

Sobre o diferendo que levou 7 anos (??)a resolver consulte este site

quinta-feira, outubro 16, 2008

O cometa Holmes visto pelo Spitzer



Só agora foram divulgadas imagens do cometa Holmes visto pelo telescópio espacial da Nasa, o Spitzer, cuja habilidade é poder "ver" no espectro infravermelho. As suas imagens colocaram em evidência a existência de jactos de pequenas partículas de silica que parecem ser o resultado de uma explosão verificada no cometa, tal como a provocada no cometa Tempel 1 pela missão Stardust ou ainda pelo "outburst" co cometa Hale-Bopp em 1995 (acompanhámos ambos).
Interessante se compararmos a imagem do Spitzer com aquelas obtidas por nós, depois de devidamente tratadas com filtors de gradientes rotativos e que mostravam também os "streamers" ou jactos em torno do cometa com uma orientação exactamente consonante com a do vento solar.
Aqui ficam as imagens:






Mais informação aqui.

quarta-feira, outubro 15, 2008

Observatório Astronómico da Ribeira Grande promove actividades de divulgação científica



“O Centro de Ciência da Ribeira Grande tem de se assumir como um espaço de excelência para a difusão da cultura científica na área da Astronomia, constituindo-se como parceiro da rede de instituições do Sistema Científico e Tecnológico Regional que contribuem para a consolidação da Sociedade do Conhecimento”. A afirmação foi feita por João Luís Gaspar durante uma visita àquela infra-estrutura com Ricardo Silva, presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande no dia 14 deste mês.

Grupo degenera em tipo Bxo



O grupo de manchas solares que surgiram ultimamente, designadas globalmente por Região Activa 1005, numa classe moderadamente complexa e bipolar do tipo Dao, acabou por se reduzir a uma classe também bipolar mas aberta (Bxo), devendo nos próximos dias descomplexificar-se mais. A imagem aqui reproduzida foi feita hoje, entre muitas nuvens baixas e humidade com temperaturas que fazem lembrar os célebres "nevoeiros de S. João".

segunda-feira, outubro 13, 2008

O 1º Grupo de Manchas Solares significativas do 24º Ciclo



Da base da dados do NOAA`s Space Weather Prediction Center (SWPC) poder-se-á apreciar o quão diminuta tem sido a actividade do dínamo solar. Repare sobretudo na quebra abrupta verificada em Outubro de 2005, como se algo se tivesse modificado repentinamente no interior do Sol (inversão da polaridade ?). Apesar deste sobressalto de hoje, com este primeiro grupo significativo de manchas solares, o CS24 continua muito baixo.

OASA abre as portas ao público



O OASA - Observatório Astronómico de Santana Açores, abre finalmente as suas portas ao público esta semana, sob a alçada da Direcção Regional da Ciência e Tecnologia e com novos equipamentos, tais como um planetário digital e um telescópio Celestron de 200mm e ainda um telescópio solar.



O objectivo, segundo O DRCT, será dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelo antigo Núcleo Açoriano da Associação Portuguesa de Astrónomos Amadores.
Este pequeno núcleo (mas grande de alma !) contava nos seus registos com mais de 200 associados, núcleos em todas as ilhas (incluindo o Corvo onde até possuía sede própria!) e um extenso trabalho abrangendo sobretudo todas as escolas secundárias e EB2,3 do arquipélago com mais de 65000 entradas no Planetário tendo ainda percorrido todas as escolas secundárias do arquipélago da Madeira a convite do Governo Regional da Madeira.

Auguramos muitas felicidades à nova equipe do OASA e da DRCT e um profícuo trabalho de encontro às necessidades e aspirações da juventude açoriana.Como o fizémos antes, poderão agora contar com o nosso empenho e colaboração.

sexta-feira, outubro 10, 2008

Planetários Europeus reúnem-se novamente em Espinho



Trocar experiências entre responsáveis de vários planetários é objectivo da 5.ª Conferência Europeia de Planetários Pequenos e Portáteis que hoje começou no Centro Multimeios de Espinho,e da qual já havíamos dado notícia aqui, numa organização em parceria com o Centro de Astrofísica da Universidade do Porto.


Durante dois dias (9 e 10 de Outubro),pretende-se que os participantes fiquem a par dos novos desenvolvimentos que permitem melhorar os funcionamento dos “pequenos” planetários e, ao mesmo tempo, que fiquem a conhecer os seus congéneres internacionais. Há presenças de Espanha, Estados Unidos, Alemanha, França, Reino Unido e Suécia e também dos Açores através da presença da Dra. Patrícia do Observatório Astronómico de Santana.
O encontro deverá terminar no sábado.

Entretanto, de fonte fidedigna, soubemos que o Observatório Astronómico de Santana conta com um novo planetário que deverá percorrer novamente todas as escolas dos Açores. Este planetério conta com nova tecnologia digital e um novo sistema de projecção de video e imagens.

A mesma fonte garantiu-nos que o Observatório abrirá ao público na próxima terça-feira, dia 14 de Outubro, estando previstas sessões de apresentação junto aos Conselhos Executivos das Escolas Secundárias de São Miguel.
Aguardamos com espectativa este novo arranque.

quarta-feira, outubro 08, 2008

Precisão de cálculo

Chamava-se 8TA9D69 e foi o primeiro asteróide a ser descoberto com previsões de alto risco de impacto na Terra. E assim foi...a entrada na atmosfera terrestre desagregou-o, pois possuia um diâmetro de 2m, e aconteceu sobre o Sudão eram 02h45m45s. Só foi visto por um voo da KLM que cruzava na altura os céus.
Este asteroide foi descoberto a 6 de Outubro pelo Observatório do Monte Lemon com uma magnitude de cerca de 30.5.
Aqui fica um set de imagens (18x30s) do astrónomo amador François Kugel obtidas a 6 deste mês.



Ligações importantes:
http://www.minorplanets.org/OLS/2008_TC3/

quarta-feira, outubro 01, 2008

Sol: 2008 o ano com menos manchas solares


Acompanho a actividade solar em pormenor desde 1996, tendo produzido muitas imagens (alguns milhares)relativas ao 23º ciclo solar. Mesmo em época de minímo, não me lembro de um ano tão baixo em contagens de manchas solares como o de 2008. A Nasa dá também nota deste assunto aqui.